Nelisita: trajectórias de exibição

Nelisita é uma longa-metragem de 1982 realizada por Ruy Duarte de Carvalho, inspirada em duas narrativas Ovamwila, agro-pastores do Sul de Angola. É um dos poucos falados em Olunyaneka, e uma das poucas ficções angolanas.

Desde o seu lançamento em 1982 até à data, o filme foi premiado em vários festivais e exibido em diferentes locais na Europa, África e no Brasil. A partir de meados da década de 1990, Nelisita é ainda ocasionalmente exibido na Europa, no Brasil e em Angola em sessões de cinema temáticas dedicadas às produções angolanas, ou então no contexto de exposições e encontros focados na obra do seu realizador.

Confira a trajectória de exibição de Nelisita

Outra apresentação visual dessa trajectória de exibição de Nelisita

Nelisita, poster do filme, 1982.

Poster do 11º Festival de Cinema da Figueira da Foz, Figueira da Foz, 1982

Fundo RDC 2015 ©. Nelisita venceu o Prémio Cidade no Festival de Cinema de Amiens em 1983.

13º Festival de Cinema de Moscovo, 1983. Nelisita entrou na competição do festival.

Capa do programa da Mostra do Cinema Angolano, Brasil, 1983.

Poster do 1º Festival de Cinema dos Países de Língua Portuguesa, Aveiro, 1984.

Poster da 34ª Berlinale - Festival de Cinema Internacional. Nelisita foi convidado para a Secção Forum.

Fundo RDC 2015 ©. Certificado do Prémio Especial do Júri. Cartagena Film Festival, 1984.

Capa do programa da Cinemateca Portuguesa com menção ao ciclo Cinemas de África, Lisboa, 1995.

Poster do Festival de Cinema Panafricano de Ouagadougou, 1985. Nelisita recebeu o Prémio de 7º Arte.

Fundo RDC 2015 ©. Em 1985, Nelisita e outros 47 filmes africanos são exibidos no Centro Georges Pompidou em Paris, no ciclo Racines Noires: Um Panorama do Cinema Africano.

Poster do First Frontline Film Festival, 1990, Harare, Zimbabué. Nelisita recebeu o prémio de Melhor Filme, Melhor Realizador, Melhor Actor, e Melhor Desenho de Som.

Poster do 7º Festival de Cinema Africano de Milão, 1997. Nelisita foi mostrado numa retrospectiva de filmes dedicada a Angola.

Poster do Dockanema, Maputo, 2009. Nelisita foi exibido num ciclo de cinema dedicado à obra de Rui Duarte de Carvalho.

Poster do 67º Festival de Cinema de Locarno. Nelisita foi exibido na Mostra Portas Abertas.

Poster do ciclo de cinema "Os Cinemas das Independências Africanas", 2015. Nelisita foi exibido na Universidade de Lisboa numa sessão dedicada a filmes pós-coloniais de África.

Poster do ciclo Paisagens Efémeras e da exposição Uma Delicada Zona de Compromisso, Galeria Quadrum, Lisboa, 2015. A exposição estabelece diálogos com o trabalho de Rui Duarte de Carvalho, e Nelisita foi exibido em sessão paralela.

Nelisita, poster do filme, 1982.

Nelisita (versão original é em Olunyaneka, com legendas em português) está disponível online em RDC virtual.